quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

PROFIJ dá Voz aos Seus Sonhos e Celebra o Respeito, a Tolerância e a Solidariedade

Na semana anterior à celebração do Dia de Martin Luther King, os alunos de todas as turmas do PROFIJ exploraram alguns excertos do famoso discurso “I have a dream” e escolheram uma citação de Dr. King que foi, posteriormente, gravada em marcadores de livros, elaborados, com muito empenho, nas aulas de Comunicar em Língua Estrangeira. Estes foram distribuídos a algumas turmas, professores e funcionários, no dia em que, nos Estados Unidos da América, se celebra o nascimento de Luther King (terceira segunda-feira do mês de Janeiro).
Partindo dos sonhos e ideais de Luther King nos anos sessenta, os alunos transpuseram a sua capacidade de sonhar para as suas vivências pessoais e cada aluno escreveu uma frase dando voz a um dos seus sonhos. Assim, foram partilhados os mais variados desejos, desde os mais materialistas como, por exemplo, “I have a dream that one day I will own a Ferrari!” até aos mais nobres como “I have a dream that one day my father will stop being violent!”. No entanto, e apesar das diferenças, todos estes sonhos tinham um denominador comum: eram igualmente importantes para os alunos que os manifestaram.
Com o mesmo entusiasmo, os formandos dos cursos do PROFIJ elaboraram um painel onde, à semelhança de trabalhos feitos em escolas norte-americanas, imprimiram as suas mãos pintadas de diversas cores, em redor das palavras Freedom, Equality, Respect,Tolerance e Liberty e que fez parte da decoração da cantina da escola no dia 19 de Janeiro. Nesta data, os alunos dos cursos de Cozinha e Serviço de Mesa prepararam um lanche de confraternização entre os diversos alunos eleitos pelos colegas como sendo os mais solidários, justos e tolerantes da sua turma. Em cada turma foi eleito um aluno com este perfil, o que, por si só, constituiu uma grande honra para os alunos escolhidos, bem como proporcionou um momento de interessante reflexão para os restantes elementos da turma. Houve também o cuidado de o menu ser bastante diversificado, incluindo iguarias de Portugal, Reino Unido, Itália, África e Estados Unidos da América, para que fosse transmitido o princípio de diversidade como factor de união entre todos.
Durante o lanche, foram entregues os prémios aos alunos que venceram os concursos de textos “I have a Dream” (secundário). “ I have a Dream, too” e acrósticos (básico) e os convivas foram agraciados com a actuação dos alunos da turma 9.º J que, na coreografia e declamação dramatizada apresentadas, procuraram transmitir a importância dos princípios da igualdade, respeito e tolerância.

Ana Lemos e Margarida Costa
Enviar um comentário