sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Mega-Salto Mega-Sprint 2015

Realizou-se no dia 16 de janeiro no complexo desportivo do Lajedo mais uma edição das provas Mega-Salto e Mega-Sprint, promovidas pela Associação de Atletismo de S. Miguel e organizadas pelo departamento de Educação Física da escola.

Participaram 105 alunos, em diversos escalões, um número inferior às edições anteriores devido, essencialmente, à diminuição da participação feminina.

As provas foram bastante disputadas e ficaram apurados para a fase de ilha todos os seis primeiros classificados até ao escalão de iniciados.


quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Corta-Mato Escolar 2015 Fase de Ilha

No passado dia 14 de janeiro, a ESDR participou em mais uma edição do Corta-Mato Escolar - Fase ilha, com 28 atletas, de ambos os sexos, distribuídos pelos escalões de infantis B, iniciados, juvenis e juniores.

À semelhança dos anos anteriores os nossos alunos atingiram excelentes resultados, como comprovam as seis medalhas conquistadas. No escalão de infantis B masculinos conseguimos o 1º e o 2º lugar com o Miguel Ventura e Alexandre Figueiredo, ambos do 7º C. Em juvenis masculinos o André Sousa, do 9º OIT3, repetiu a vitória do ano anterior estando novamente apurado para a fase regional. Está também apurada para a fase regional a Maria Matos, do 8º AA, mercê do seu 2º lugar no escalão de juvenis femininos, escalão onde a Nicole Narciso, do 11º I, fechou o pódio. De realçar, que neste escalão a vencedora, Beatriz Dâmaso, foi nossa aluna até ao ano passado. Em juniores femininos obtivemos nova vitória com a Joana Almeida, do 12º G.

A todos os nosso alunos que tão honrosamente representaram a nossa Escola os nossos parabéns.


1º Lugar Infantis B
Miguel Ventura

2º Lugar Infantis B
Alexandre Figueiredo

1º Lugar Juvenis
André Sousa

1º Lugar Juniores
Joana Almeida

2º Lugar Juvenis
Maria Matos

3º Lugar Juvenis
Nicole Narciso



quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Dia 3 de dezembro, dia da escola e do seu patrono

O dia 3 de dezembro, dia da escola e do seu patrono, o pintor Domingos Rebelo, foi assinalado na nossa escola com um conjunto de atividades, organizadas pelo departamento de educação física, que se realizaram durante a manhã e que proporcionaram aos alunos a possibilidade de praticar alguns dos desportos mais tradicionais como o basquetebol, o futsal e o badminton e ainda experimentar modalidades menos usais como o BTT, o tiro com arco e o judo.

O dia teve como ponto alto a entrega de prémios aos melhores alunos da escola, nos diferentes anos letivos, distinguindo assim o esforço e o trabalho desenvolvido por estes alunos durante o ano letivo transato. Esta cerimónia aconteceu no novo auditório da escola, espaço nobre resultante do projeto de requalificação das antigas oficinas que remontam à antiga escola industrial e comercial de Ponta Delgada, e que trouxe dignidade e brilho à distinção que se promoveu.

O dia terminou com um jantar convívio de professores e funcionários onde se homenageou a Srª Maria Teresa Borges Pacheco Mota que se aposentou e, a título póstumo, o seu marido, António da Silveira Mota.

De salientar, ainda, a estreia do grupo recreativo e cultural Domingos Rebelo, formado por professores, funcionários e alunos da escola, que cantou canções populares de natal e dançou folclore, representativo de várias regiões de Portugal, divertindo todos os presentes pela sua genuína boa disposição.

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

IV Corta-Mato Escolar Domingos Rebelo

Realizou-se no passado dia 13 de Novembro a quarta edição do corta-mato escolar Domingos Rebelo, com vista ao apuramento dos melhores 6 atletas, por escalão, para a competição na fase de ilha e que se realizou, mais uma vez, no jardim António Borges. 
Esta atividade, que tem vindo a ficar cada vez mais exigente pela participação de alunos que, ano após ano, se assumem como candidatos à vitória, reuniu um total de 164 alunos dos quais 43 raparigas e 121 rapazes. A competição foi forte e a luta pela vitória esteve presente em todas as provas mesmo naquelas onde os "craques" participaram, o que mostra que o convívio gerado pelas atividades físicas desportivas e a participação ativa na organização das atividades, são uma forma privilegiada de formação e de integração, tal como promove o desporto escolar. 
A prova foi organizada e coordenada pelo departamento de educação física da escola.



Resultados

Infantis B Feminino


1º Maria Pastor; 2º Raquel Pereira; 3º Filipa Couto

Infantis B Masculinos


1º Miguel Ventura; 2º Alexandre Figueiredo; 3º Leonardo Camara

Iniciados Femininos


1º Inês Gonzaga; 2º Andreia Ambrósio; 3º Solange Freitas

Iniciados Masculinos


1º Carlos Lito; 2º Frederico Zeferino; 3º Gonçalo Estácio

Juvenis Masculinos


1º André Sousa; 2º Rodrigo Chaves; 3º Diogo Medeiros

Juvenis Femininos


1º Maria Matos; 2º Nicole Narciso; 3º Beatriz Couto

Juniores Femininos


1º Joana Almeida; 2º Ana Massa

Juniores Masculinos



1º João Viveiros; 2º Paulo Martins; 3º Carlos Raposo




Resultados finais




quarta-feira, 12 de novembro de 2014

“Ests Natal Ofereça um Animal”, DO CANIL MUNICIPAL DE P.D.

No passado dia 12 de novembro um grupo de alunos do 9º ano de escolaridade, da escola secundária Domingos Rebelo, visitou o canil municipal de Ponta Delgada, com o objectivo de iniciar uma campanha de sensibilização contra os maus-tratos e abandono de animais, integrada na área curricular não disciplinar de educação cívica. Surgiu, assim a ideia de criar o slogan “Este Natal ofereça um animal”.


Dada a preocupação quanto aos maus-tratos e abandono de animais decidiram ajudar aqueles, a quem se referem como seus “amiguinhos”, na procura de alguém que se disponha a adotar ou a oferecer um destes animais, aproveitando esta época natalícia, a quem deseje dar afeto e gozar da companhia de um fiel amigo.

Ao chegar ao canil, os alunos foram recebidos por Vergílio Oliveira, veterinário, o qual informou sobre o funcionamento do canil, alertou para a necessidade da comunidade ser sensibilizada para o controlo da reprodução dos seus animais, bem como, para a consciencialização dos custos e responsabilidade que um animal exige. Caso contrário, os problemas no canil agravam-se com o crescente aumento de animais que ali chegam.

Os alunos tomaram conhecimento que anualmente, em média, são adotados 400 animais. No entanto, três vezes mais não têm, infelizmente, a mesma sorte.

Ao animal que é adotado, o canil municipal de Ponta Delgada, para garantir o seu bem-estar, introduz-lhe um chip para que este nunca mais fique em situação de abandono, é-lhe aplicado, ainda, vacinação, desparasitação e direito, quando adulto, a ser esterilizado, tudo isto por um custo, a quem adota, muito irrisório, que tem como intenção consciencializar para a  responsabilidade de ter um animal.  

Da visita de estudo, ficou nos alunos a ideia, de ali haver gente dedicada ao bem-estar dos animais, de gente que diariamente espera pela visita de alguém que traga consigo a boa sorte de um animal que espera sem saber até quando!

Os alunos do 9º ano de escolaridade, Educação Cívica, Escola secundária Domingos Rebelo.



domingo, 22 de junho de 2014

Projeto Eco-Escolas - A Biodiversidade e a Água (Açores)

No dia 22 de maio as turmas do 8º F, 9º B e 7º C assistiram a uma palestra, inserida no Projeto Eco-Escolas a que a Escola Secundária Domingos Rebelo aderiu já desde o ano letivo anterior, através do coordenador do projeto, professor Sérgio Silva. A palestra esteve a cargo do Dr. Tiago Meneses que desenvolveu o tema “A Biodiversidade” e do Engenheiro Bruno  que abordou o tema “Água – Captação, Distribuição e Fornecimento de Água para Consumo Humano à Zona Centro e Poente do Concelho da Ribeira Grande” e foi dinamizada pelo professor Sérgio Silva. As turmas envolvidas estiveram acompanhadas pelos professores de Educação Tecnológica, respetivamente, Manuel Ruas da Silva e Rute Antunes; Ana Isaías e Joaquim Andrade e pela professora de História Elizabete Negalha.

No tema da “Biodiversidade” foram abordados os efeitos da presença humana e das alterações climatéricas junto da fauna e flora endémicas, dando-se particular ênfase à ecologia e biogeografia das espécies na região açoriana, passando pela macroecologia, ecologia marítima, agro-ecologia, taxonomia, sustentabilidade, conservação e divulgação científica, entre outros. No tema da “Água” chamou-se à atenção dos presentes para a importância da água regional, dado o seu valor patrimonial, e as suas propriedades. Em particular, mencionou-se as águas naturalmente gaseificadas de sabor muito característico que brotam de fontes naturais existentes por todas as ilhas dos Açores.

Pretendeu-se promover o estudo e a valorização dos recursos naturais dos Açores junto dos alunos e levá-los a compreender melhor os impactos na biodiversidade das ilhas de fatores como as alterações do uso do solo e a perturbação dos habitats naturais das espécies exóticas invasoras e as mudanças climáticas.


terça-feira, 17 de junho de 2014

Eco-Escolas - Tema Energia

Ao abrigo do projeto Eco-Escolas, estiveram presentes na ESDR, em representação da EDA, os engenheiros Paulo Bermonte, Carlos Martins e António Magalhães, convidados pelo coordenador do projeto na ESDR, professor Sérgio Silva e pela professora Clara Castro, que realizaram algumas sessões de sensibilização, direcionadas à comunidade escolar, nos dias 28, 29 e 30 de abril com o intuito de promoverem a racionalização e eficiência energética nas escolas e em casa.


Neste sentido, foi abordada a temática da diversidade das energias renováveis, numa perspetiva de educar para o desenvolvimento sustentável e para a valorização da açorianidade, evidenciando-se os cuidados que se devem ter relativamente à utilização da energia elétrica.

Assim, os alunos do 9º ano consolidaram os conhecimentos prévios que detinham sobre o modo como a maior parte da eletricidade chega às suas casas, isto é, através da produção de energia elétrica em centrais termoelétricas com o recurso a combustíveis fósseis. Compreenderam que com a utilização de fontes de energia não renováveis para a produção de energia elétrica não só se esgotam estas reservas, como também se libertam gases que provocam o indesejável efeito de estufa na atmosfera que tanto prejudica o ambiente. Os alunos comprovaram que a solução para este problema passa pela utilização de energias renováveis para a produção de energia elétrica mas, acima de tudo, por uma alteração dos nossos comportamentos ao nível do consumo de eletricidade.



Esta ação de sensibilização contemplou os conteúdos relacionados com as energias renováveis, produção de energia elétrica, consumo energético, eficiência energética em casa e nas escolas e os comportamentos adequados ao uso racional da eletricidade.